Gripe A (H1N1)
Noticias sobre a evolução da Gripe A em Portugal

17
Ago 09

A mulher de 30 anos internada há 11 dias no Hospital de S. João, no Porto, com gripe A (H1N1) mantém-se em "estado crítico", disse hoje à Lusa fonte da unidade hospitalar.

 

Segundo a fonte, a mulher continua internada na Unidade de Cuidados Intensivos do Serviço de Doenças Infecciosas com "prognóstico reservado".

A paciente, que desenvolveu pneumonia, foi transferida a 7 de Agosto do Hospital de Guimarães para o "S. João", no Porto, depois de ter passado, três vezes, pelo Centro de Saúde de Celorico de Basto.

Só à terceira vez, quando já se verificavam complicações respiratórias, foi transferida para o hospital de Guimarães que identificou a gripe A (H1N1) como causa do seu quadro patológico.

A Direcção-geral de Saúde rejeitou entretanto que tenha havido um erro no diagnóstico. Francisco George admite no entanto um atraso.

Infecções pelo H1N1 perto de 1300 casos

Em Portugal, este foi o primeiro caso de gripe A com complicações graves num doente sem patologias prévias.

Nas últimas 24 horas, segundo o Ministério da Saúde, foram confirmados 84 novos casos de gripe A elevando o total para 1.294 casos de infecção pelo vírus H1N1.

Actualmente estão internadas 17 pessoas.

publicado por HF às 14:59
pesquisar neste blog
 
arquivos